All for Joomla All for Webmasters

REINALDO DO CURRAL

Belo Horizonte – 03/07/1951

 


Não se pode falar em samba em Belo Horizonte e não citar Reinaldo do Curral. Produtor, amante da música e batalhador incansável pela valorização da cultura, principalmente do samba, há 48 anos. A história de Reinaldo Avelar da Silva com a música começou com uma banda chamada Banda do Zé Doido. Tocavam MPB, forró e música regional. Nada de samba.

Nesta época, Reinaldo trabalhava no Matadouro Municipal da Cidade, no Bairro São Paulo, na Região Nordeste de BH. E morava com a família em um dos muitos cômodos cedidos aos funcionários pela empresa, no Curral do Matadouro.

E foi ali mesmo, dentro do lote do matadouro, que montou um boteco chamado “Curral”, aonde para as pessoas chegar, precisavam passar por baixo da cerca do lote. Ali, elas se encontravam para tocar um violão, bater um papo. Ele lembra que, de tanto pendurar as contas dos artistas no balcão, quebrou quatro vezes. Mas não desanimou.

Quando se preparava para fechar de vez o boteco, foi alertado, por outro sambista, Barbanacho do Pandeiro, que aquele local era ideal para se montar uma roda de samba. Reinaldo acreditou. E daí surgiu uma das casas de sambas mais tradicionais de BH, o Curral do Samba.

Era um local bem simples, mas cheio de charme, de terra batida e os banheiros eram uma atração à parte: o masculino era identificado com uma placa onde vinha o escrito “Bois” e o feminino, “Vacas”. As rodas de sambas eram aos sábados e aos domingos, todas as vezes lotadas. E com a presença, sempre, dos principais sambistas mineiros. Logo, o Curral do Samba serviu de palco para grandes nomes do samba nacional. Passaram por lá Jovelina Pérola Negra, Lecy Brandão, Arlindo Cruz, Bezerra da Silva, Neguinho da Beija Flor – este fez seu show debaixo do pé de jabuticabas da casa, e muitos outros.

O tempo passou e o Curral do Samba segue firme, no mesmo endereço e com o mesmo charme. Atualmente, funciona também como estúdio de gravação, onde Reinaldo atende sambistas que desejam gravar seu CD. E, vez por outra, apresenta projetos especiais de samba.

 

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Contato: (31) 98916-9170

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ler 193 vezes

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Patrocínio