All for Joomla All for Webmasters
Rádio

Sambista da Velha Guarda comemora 70 anos

Jul 27 2018 / Publicado em Destaques

Dona Eliza ganhou uma roda de samba com participações de Marina Gomes, Dé Lucas, Cabral, Cinara Ribeiro, Silvia Gomes, entre outros

VIDA DE UM MAIORAL

Jul 23 2018 / Publicado em Acervo do Samba

Mineiro Mestre Conga é um dos principais representantes da cultura popular brasileira

AFRO-SAMBAS OU AMBOS?

Jul 22 2018 / Publicado em Bobô

Salve, povo do samba. Agô!

Na coluna de hoje vamos falar do disco Afro-sambas, do Baden e Vinícius. Teria o poetinha, diplomata das letras, cometido um enorme pleonasmo ao criar a expressão afro-sambas? Os mais radicais vão dizer que sim. Na contra capa do LP Vinícius dá uma pista: “Essas antenas que Baden tem ligadas para a Bahia e, em última instância, para a África, permitiram-lhe realizar um novo sincretismo: carioquizar, dentro do espírito samba moderno, o candomblé afro-brasileiro, dando-lhe ao mesmo tempo uma dimensão mais universal”.

ATAULFO ALVES

Jul 17 2018 / Publicado em Cartoon

 

Ataulfo Alves é um dos maiores compositores da música popular brasileira. Natural de Miraí, na Zona da Mata mineira, é autor de sambas clássicos, como Na cadência do samba. Em 2019, completam-se 50 anos da morte do artista, em abril de 1969, no Rio de Janeiro.

BAR BRASIL 41

Jul 03 2018 / Publicado em Casas de samba

 

 

O Brasil 41, que fica na avenida de mesmo nome e número, no Santa Efigênia, completa 36 anos em 2018 (dia 23 de julho). Depois que o marido morreu, há 26 anos, dona Jacira de Senna e Souza Ribeiro, de 77, seguiu com o negócio, tendo como parceiros os filhos. Hoje, apenas o caçula, Gean, de 52 anos, continua no bar. Além de rodas de samba e de choro (que não têm programação certa), o local é procurado para celebrar aniversários e até casamento. “As rodas de samba e choro ocorrem de surpresa. O pessoal chega e toca. Vem Thiago Delegado, Lucas Fainblat, e outros. Eu acho bom”, conta dona Jacira.

"Conheço o 41 desde os meus 16 anos! Uma pequena história...Dona Jacira é sobrinha do falecido tio Antônio ( vulgo boca preta) que morava na Concórdia e era amigo do meu avô Carlito. Boca preta tocava cavaquinho quase todos os domingos no bar do João junto de outros músicos. Eu comecei a tocar aos 15 e sempre ficava ligado nos solos que o Boca fazia ( Pedacinhos do céu, Flor de abacate...) Certo dia o Carlitim me chamou na praça da Bandeira e me apresentou como cavaquinista, pro Boca e ele logo pegou o cavaco dele e tocou um choro muito bonito que despertou em mim essa vontade de solar! Esse cavaco que era do Boca preta, hj está no Brasil 41 e já fez e faz a alegria de muuuuiita gente nas madrugadas desse espaço que tem o melhor torresmo de barriga de BH! Salve D'Jacira, Jean, Jessé, Cintya, Joa e compania!! Salve Brasil 41" - comentário do cavaquinista e frequentador assíduo do bar do 41, Warley Henrique, na página do Almanaque no Facebook.

Principais tira-gostos: da estufa saem bolinho de feijão, torresmo, quibe e bolinho de mandioca. Da cozinha, carne cozida, pastel de angu, linguiça com mandioca entre outros.

Dias de funcionamento: De terça a sexta, das 18h ao último cliente. Sábados, domingos e feriados, das 11h até o último cliente.

Valor do couvert: não cobra

Forma de pagamento: dinheiro, cartão de débito e crédito

Local: Avenida Brasil, 41 - Santa Efigênia – CEP: 30.110-017

Como chegar: Avenida Brasil, ao lado do Batalhão da Polícia Militar na Praça Floriano Peixoto.

Contato: (31) 3241-4341 

Onde sambar

Sambistas Online

Temos 76 visitantes e Nenhum membro online